O FUTURO DO MUSEU NACIONAL DE ARQUEOLOGIA EXIGE PONDERAÇÃO E RESPEITO


Com a publicação da saudação do Dr. Luís Raposo aos Amigos do MNA, do artigo do jornal Publico e da notícia da Antena 1, todos abaixo transcritos, chega ao fim a missão deste blogue independente,
feito por alguns amigos do MNA.

A luta travada nos últimos anos em defesa do MNA, impedindo a sua transferência para a Fábrica da Cordoaria Nacional, foi coroada de êxito.

Ao Dr. Luís Raposo desejamos as maiores venturas na continuação da sua carreira profissional.

Se um dia o MNA voltar a estar em perigo, regressaremos,

porque por agora apenas hibernamos.



sexta-feira, 25 de junho de 2010

Entrevista da Ministra da Cultura do jornal Público

Na primeira entrevista desde a promulgação do decreto de execução orçamental, com as medidas de contenção do Plano de Estabilidade e Crescimento (PEC), a ministra da Cultura, Gabriela Canavilhas, há seis meses no cargo, traça o retrato de um ministério com milhares de trabalhadores independentes, muitos intermitentes, sem apoios sociais. São, precisamente, os que mais vão sofrer com a crise e os cortes previstos, reconhece.

P: Entre os sacrifícios, há projectos do MC que vão cair?
R: Não. Todos estão encaminhados.
P: Um caso como o do Museu Nacional de Arqueologia...
R: As verbas para os estudos que estão a ser feitos não serão afectadas a ponto de não podermos prosseguir.
….
25 de Junho de 2010

Explicações adicionais requerem-se e... serão pedidas.
Que estudos estão a ser feitos ? Por quem ? Com que mandato ? Com que prazos ?

Sem comentários:

Enviar um comentário