O FUTURO DO MUSEU NACIONAL DE ARQUEOLOGIA EXIGE PONDERAÇÃO E RESPEITO


Com a publicação da saudação do Dr. Luís Raposo aos Amigos do MNA, do artigo do jornal Publico e da notícia da Antena 1, todos abaixo transcritos, chega ao fim a missão deste blogue independente,
feito por alguns amigos do MNA.

A luta travada nos últimos anos em defesa do MNA, impedindo a sua transferência para a Fábrica da Cordoaria Nacional, foi coroada de êxito.

Ao Dr. Luís Raposo desejamos as maiores venturas na continuação da sua carreira profissional.

Se um dia o MNA voltar a estar em perigo, regressaremos,

porque por agora apenas hibernamos.



quarta-feira, 31 de março de 2010

Ser solidário

Caros
Depois de ter lido todo o historial que se vem tornando como que um folhetim nos mails que recebo e no blog que, e muito bem, reforça a indignação de todos aqueles que, trabalhando, reconhecem nestas posições da Tutela uma sensação de autoridade e teimosia.
Posso aceitar a mudança do MNA para outro local mas nos moldes em que está a ser forçada não aceito.
Não aceito por várias razões.
Uma delas prende-se com esta politica de cultura que já vem do ex-ministro, completamente avulsa, sem uma metodologia e sem um planeamento para os museus em particular e para a cultura em geral.
Devo também referir que as tutelas, que tutelam, passe a redundância, a Cultura em Portugal, nomeadamente o IMC e o Igespar, funcionam um pouco contra a realidade do país, um pouco colaterais àquilo que se passa no âmbito mda cultura em Portugal.
Acrescentar pouco, mas o ser solidário, foi aquilo que me moveu a juntar-me a este processo, porque também estou na cultura, numa autarquia, e o quanto é dificil defender o nosso Património numa autarquia........
Esperando que a minha "voz" se junte à vossa e que as "mentes iluminadas" se apaguem por uma hora, assim coonsumiam menos energia e talvez ao recomeçar pudessem ter um assomo de responsabilidade nos cargos que ocupam.
Bem hajam
Carlos Fidalgo
(comentário recebido pelo e-mail gdamna@gmail.com)

Sem comentários:

Enviar um comentário